Jogo online: O regime de autoexclusão e os seus números

by

Um dos maiores problemas do jogo a dinheiro é o facto de ser extremamente viciante, podendo levar á ruína aqueles que têm mais dificuldade em controlar os impulsos. Neste aspeto, o jogo online não é diferente, sendo até mais propício a situações de desfalque económico uma vez que todo o dinheiro apostado é virtual e os métodos de depósito são cada vez mais fáceis e automatizados. É precisamente por isto que os portais de jogo e mesmo o Serviço de Inspeção e Regulação de Jogos (SRIJ) disponibilizam ferramentas destinadas a todos aqueles que desejem jogar pelo seguro e autoexcluírem-se dos sites de jogo online. Muitos já recorreram a estes métodos para se protegerem, tal como mostra o relatório do SRIJ agora publicado.

Mais de 13 mil em um ano

Foi em Maio de 2016 que a Betclic recebeu a primeira licença destinada à exploração online legal de jogos de casino em Portugal, depois de ter sido também a estreante em apostas desportivas virtuais. Desde então, também a Bet.pt, o ESC Online e a PokerStars receberam as suas licenças compondo assim o menu de ofertas que hoje conhecemos. Perante a grande possibilidade de cair em dependências de jogo ruinosas, a 31 de Março de 2017 contabilizavam-se cerca de 11.300 autoexcluídos, num total de mais de 13 mil pedidos. Esta diferença é explicada pelas características deste regime, que permite que sejam os próprios jogadores a ditar o período pelo qual se querem autoexcluir, bem como a antecipar o termo do mesmo, mediante cumprimento de um tempo mínimo.

Ainda assim, durante o primeiro trimestre do ano cerca de 4.300 jogadores pediram para serem autoexcluídos, o que se traduz numa média de aproximadamente 1.400 jogadores por mês. Por outro lado, durante o mesmo período foram 1.300 os jogadores que deixaram de estar abrangidos por este regime. Segundo o relatório do Turismo de Portugal sobre a atividade do jogo online em Portugal em mercado regulado, estes mais de 11 mil autoexcluídos representam 2,2% do total de jogadores inscritos nos quatro sites mencionados.

No que toca a este campo, 60% dos jogadores registados têm entre 25 e 44 anos, sendo que, dentro deste valor, o grupo mais predominante é o dos 25 aos 34 anos, com cerca de 40%. Já o grupo dos mais jovens (18-25 anos), representa quase 30% do total. Em termos de distribuição geográfica é no Porto (21,5%), em Lisboa (19,8%) e em Braga (9,99%) que a maior parte dos jogadores se localizam, agregando mais de 50% do total. No extremo oposto está Portalegre, com menos de 1%.

Tornar-se um autoexcluído

Se é um dos jogadores que precisa de optar por este regime de autoexclusão ou conhece alguém nesta situação, há diversas maneiras de o adotar. Em geral, a maioria dos sites de jogo dispõem de uma opção destinada a este fim, sendo que o seu preenchimento significa que o jogador ficará impedido de jogar apenas nesse mesmo portal. Do mesmo modo, no próprio site do SRIJ há uma secção inteira dedicada a este regime, sendo que por aqui os jogadores autoexcluem-se de jogar – por três meses ou por tempo indeterminado – de todos os sites de jogo em Portugal. Além disso, há ainda uma secção de autoajuda em caso de dependência de jogo bem como um espaço de proteção ao jogador com aconselhamento por telefone e por email para familiares e qualquer pessoa que procure apoio, informação e encaminhamento dos casos.

Melhores casinos online em Portugal 2018

#CasinoVisão RápidaBónusVisita
1bet.pt
bet.pt
  • # Jogos: 126
  • Número de licença: 6

Análise
  • Bónus sem depósito: 20€
  • Bónus boas-vindas: 200€
Ganhe Bónus
2Casino Portugal
Casino Portugal
  • # Jogos: 100
  • Número de licença: 9

Análise
  • Bónus sem depósito: 10€
  • Bónus boas-vindas: 888€
Ganhe Bónus
3Betclic
Betclic
  • # Jogos: 126
  • Número de licença: 4

Análise
  • Bónus sem depósito: 0€
  • Bónus boas-vindas: 1.000€
Ganhe Bónus

Até 500€ de bónus grátis

Receba bónus de boas vindas exclusivos em primeira mão bem como outras ofertas especiais dos melhores portais de jogo online. Para receber só tem de inserir o seu e-mail: